Buscar

Espere para aplaudir


Em seu primeiro jogo da Liga Infantil de Futebol, um jovem jogador foi atingido no rosto por uma bola. Ele não se feriu, mas, ficou compreensivelmente abalado. Durante o restante da temporada, ele teve medo da bola. Jogo após jogo, ele tentava bravamente, mas, não conseguia acertar a bola.

No jogo final, estavam desesperadamente atrás, sem motivos para torcer. Então, aquele jovem entrou em campo e fez sua jogada. Para surpresa de todos, ele acertou a bola em cheio, e fez um belo gol! Seus colegas de time enlouqueceram; seus pais e os pais dos outros jogadores o aplaudiram com entusiasmo. Embora ainda estivessem perdendo, todos pulavam muito! Todos amavam o garoto e o incentivavam.

Imagino que o Senhor também nos incentiva em nossas vidas. Ele nos ama profundamente e deseja que possamos “…compreender […] qual é a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade e conhecer o amor de Cristo, que excede todo entendimento…” (Efésios 3:18-19).

Alguns pensam que o Senhor não é amoroso e que espera que escorreguemos para poder nos punir. Portanto, nós temos o privilégio de lhes falar a respeito de Seu profundo amor por eles. Imagine a alegria deles ao ouvirem sobre o Deus que os ama tanto, que enviou Seu único Filho para morrer na cruz por seus pecados e que deseja animar e fortalecê-los!

As mãos de Jesus perfuradas pelos cravos revelam o coração amoroso de Deus.


33 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
id-png-14.png
Curso ID

Sua Vida Espiritual nunca

Mais será a mesma!